Portos Mobiliário na alta roda do ciclismo

No ano de 2023, a Portos Mobiliário anunciou uma parceria com a equipa de ciclismo Windmob, sediada em Lordelo, Paredes e liderada por José Barros. Esta colaboração tem como objetivo principal promover e apoiar jovens ciclistas portugueses e da América Latina, com o intuito de lançá-los ao topo da modalidade.

A parceria entre a Portos Mobiliário e a equipa Windmob surge como um projeto promissor que visa fortalecer o ciclismo de base e fomentar o desenvolvimento de jovens talentos. Com uma visão centrada na formação de ciclistas jovens e no apoio aos talentos emergentes, a parceria procura criar um ambiente propício para o crescimento e aprimoramento das habilidades dos atletas.

A equipa sub-23 da Windmob já tem conquistado resultados notáveis a nível nacional, destacando-se por seu desempenho brilhante nas competições. Através desta colaboração com a Portos Mobiliário, espera-se que a equipa ganhe ainda mais projeção no cenário desportivo e alcance novos patamares de excelência.

Com esta iniciativa, a Portos Mobiliário demonstra o seu compromisso com o desporto e a sua vontade de contribuir para a promoção de novos talentos no ciclismo. Esta associação promete trazer oportunidades significativas para os jovens ciclistas, abrindo portas para que alcancem sucesso e reconhecimento tanto a nível nacional como internacional.

Portos dá vida a projetos de jovens

Esta intervenção da Portos Mobiliario, que construiu à escala real as peças objeto de estudo por parte das alunas da Universidade de Aveiro, foi mediado pela Moveltex, através do projeto “Móvel do Futuro”, que procura ligar as empresas do setor do mobiliário à universidade e a introdução de tecnologia nas peças de mobiliário (Smart Furniture).

A Portos Mobiliário, uma empresa sediada em Figueiró, executou duas peças de mobiliário, que foram objeto de projetos do Mestrado de “Engenharia e Design de Produto”, das alunas da Universidade de Aveiro, Liliana Teixeira e Rosa Mendes, cujas provas públicas decorreram ontem, naquela Universidade, obtendo a classificação de Muito Bom.

Liliana Teixeira estudou o envelhecimento ativo e propôs um armário/roupeiro adaptado de forma a tornar-se mais inclusivo, subordinada ao tema “Design de Mobiliário Inteligente para Ageing in Place”.

Por seu turno, Rosa Mendes escolheu o tema “Design de mobiliário inteligente para criação de hábitos de sono nos estudantes universitários”, projetando uma mesa de cabeceira, com várias funcionalidades (da iluminação, aos sensores de movimento, passando pelo carregamento de dispositivos entre outros).

Os trabalhos tiveram a orientação da Prof.s Bárbara Gabriel e Teresa Franqueira – (Directora da Design Factory Aveiro).

Esta intervenção da Portos Mobiliario, que construiu à escala real as peças objeto de estudo por parte das alunas da Universidade de Aveiro, foi mediado pela Moveltex, através do projeto “Móvel do Futuro”, que procura ligar as empresas do setor do mobiliário à universidade e a introdução de tecnologia nas peças de mobiliário (Smart Furniture).

Preencha o formulário para ser contactado.

Apenas vamos usar os seus dados para estabelcer o seu pedido de contacto único.